Jailor – “Stats of Tragedy” (2015)

O Thrash Metal é um dos gêneros mais proeminentes da música extrema aqui no Brasil e a proliferação de tantas bandas que seguem essa vertente nos oferece um excedente de bandas que disputam seu espaço na cena nacional. Entre tantas bandas que vem surgindo, uma que merece destaque é a Jailor. Com seu segundo lançamento,... Continue lendo →

Anúncios

No Trauma – “Viva forte até o seu Leito de Morte” (2016)

"O No Trauma, banda do Rio de Janeiro, foi fundada em 2011. Lançando no ano de 2012 a single intitulada “eis a minha mão” que foi a primeira aparição pública de expressão, alcançando uma abrangência relevante e de grandes resultado pra banda. Mas logo em 2013 a banda entrou em um processo de reestruturação completa,... Continue lendo →

Metallica – “Hardwired…To Self-Destruct” (2016)

É evidente que este faz parte da lista de álbuns mais aguardados do ano por se tratar de uma das maiores banda do Thrash mundial, mas também pelo fato de que o Metallica já vinha devendo um bom trabalho aos fãs, gerando uma grande expectativa em torno do mesmo. De início, posso afirmar que o... Continue lendo →

Heryn Dae – “Heryn Dae” (2015)

Banda catarinense da cidade de São Francisco do Sul que surigiu em 2013 com a proposta de abranger em seu som as várias vertentes que influenciavam o som de cada um dos integrantes. A "dama das sombras" (significado de Heryn Dae na linguagem Élfica Tolkiana) mostra um som tradicional que remete ao metal dos anos... Continue lendo →

Exumer – “The Raging Tides” (2016)

É certo que algumas bandas após determinado tempo de estrada já possuem experiência sob diversas fórmulas, mantendo a que mais lhe deu resultados. Algumas caem na armadilha do comodismo e mesmo mantendo uma fórmula que outrora deu certo, não conseguem mais obter bons resultados, mas nestes últimos anos grandes nomes da música pesada (Judas Priest,... Continue lendo →

Ruínas de Sade – “Ruínas de Sade” (2016)

Banda da cidade de Brusque, Santa Catarina, que faz um som pesado, denso e caracteristicamente lento. Conheci o trabalho dessa banda através da página Metal na Lata, onde faço parte da equipe de editores. Particularmente considerando que um bom álbum, além de boa música, tem que possuir uma capa que tome a atenção do público, tem... Continue lendo →

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: